A água é um inimigo comum à maioria dos materiais. Isso gera a corrosão de metais, decomposição revestimentos orgânicos, e desintegra estruturas.

A condensação é a água que foi destilada a partir de água impura, misturada com a atmosfera, e saturada com oxigênio. Chuva, orvalho e nevoeiro são exemplos naturais de condensação. Este tipo de umidade também tem sido chamado de “água agressiva”, porque ele transporta oxigênio com ela e esse contato com um material ou difunde através de um revestimento.

Este ensaio simula uma condição extrema de umidade, porém sem poluição ou sais (ambiente semelhante ao rural).

As condições no interior da câmara podem variar de 95% a 100% de umidade relativa do ar.

Este ensaio é mais crítico para formação de bolhas do que a névoa salina devido ao fenômeno da osmose.

Os principais defeitos formados em tintas submetidas a este teste são bolhas, ferrugem, variações de brilho e cor.

Corrosão Teste Umidade Bolhas

Bolhas em uma Superfície Pintada Após Teste de Umidade

Fonte: 

ABNT NBR 8095 – Corrosão por exposição atmosfera úmida saturada

ASTM D 2247 – Testing Water Resistance of Coatings in 100 % Relative
Humidity

ASTM D 1735 – Testing Water Resistance of Coatings Using Water Fog
Apparatus

Tintas – Ciência e Tecnologia, Fazenda, George M. R. – Editora: Blucher – 4ª Edição – 2009